ANTT isenta pedágios nas estradas federais em apoio ao Rio Grande do Sul

Em uma decisão emblemática, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) anunciou, através de publicação no Diário Oficial da União, medidas de apoio às vítimas das devastadoras enchentes que assolam o Rio Grande do Sul. A partir de agora, os caminhões que transportarem doações destinadas aos afetados pelas enchentes estarão isentos do pagamento de pedágio nas rodovias federais (BRs) que cortam o estado.

Além da isenção do pedágio, a ANTT também determinou a liberação desses veículos da obrigação de passar pelas balanças de pesagem, facilitando o transporte rápido e eficiente das cargas de ajuda. Esta medida visa garantir que as doações cheguem o mais rapidamente possível às regiões necessitadas, especialmente ao norte do estado, atualmente sob novas ameaças de chuvas intensas.

ANTT

Esta iniciativa surge após a revelação de que seis caminhões haviam sido multados por fiscais em pontos de controle, conforme reportagem do jornal Gazeta do Povo. O diretor-geral da ANTT, Rafael Vitale, esclareceu que essas foram situações isoladas e que todas as autuações foram revistas assim que se constatou tratar-se de transporte de doações, reforçando o compromisso da agência em priorizar e facilitar esse fluxo logístico vital.

Agora, com as praças de pedágio e balanças liberadas para esses transportes solidários, espera-se uma maior agilidade no socorro às áreas afetadas. Este é um momento crítico para o Rio Grande do Sul, onde, segundo dados recentes do portal G1, das 497 cidades do estado, 431 já foram impactadas pelas enchentes. A tragédia já afeta diretamente cerca de 1,7 milhão de pessoas, deixando aproximadamente 400 mil desabrigados ou desalojados, além dos mais de 68 mil indivíduos abrigados temporariamente. Até o momento, registram-se 116 mortes confirmadas e 134 pessoas desaparecidas.

Essa medida da ANTT reflete um esforço significativo na mitigação dos efeitos dessa catástrofe natural, demonstrando a importância da solidariedade e da ação coordenada entre agências governamentais e a sociedade civil para superar momentos tão desafiadores.

Avalie esse artigo

Gabriel May Oechsler
Redator online do portal Agora Motor, tem 21 anos e está sempre antenado no universo automobilístico, gosta de esportes, jogos e notícias automotivas. Iniciou sua jornada no site Agora Motor em 2022, trabalhando com pesquisas extensas e escritas de artigos e notícias sobre carros, motos, etc.
Posts relacionados
Notícias China pressiona União Europeia para reduzir taxa de seus carros até dia 4 de julho

A China solicitou à União Europeia que retire a sobretaxa de até 38,1% imposta aos…

Gabriel May Oechsler
Notícias Volvo EX30 está se tornando febre em vendas no Brasil e Europa

A Volvo está alcançando um grande sucesso com seu modelo de entrada, o Volvo EX30,…

Gabriel May Oechsler
Notícias Novo Toyota GR Yaris 2024 é atualizado com motor de 280 cv

A Toyota acaba de lançar na Europa o aguardado GR Yaris 2024, um veículo esportivo…

Gabriel May Oechsler
Notícias GWM está se inspirando na Toyota para ter um bom pós-venda em atendimento e peças!

A importância do serviço pós-vendas é ampliada quando se trata de marcas recém-chegadas ao mercado,…

Gabriel May Oechsler
Notícias Kawasaki Ninja 650 2025 ganha nova cor laranja, confira!

A renomada fabricante japonesa de motocicletas, Kawasaki, lançou recentemente a aguardada versão 2025 da Ninja…

Gabriel May Oechsler
Deixe seu comentário