Carros 7 lugares que menos desvalorizaram, segundo Mobiauto!

No passado, as famílias brasileiras tinham em média 5 ou 6 filhos. Atualmente, esse número diminuiu drasticamente para menos de 2 crianças por casal. Apesar dessa redução, o mercado automobilístico no Brasil oferece uma variedade de opções de carros de 7 lugares, atendendo às diferentes necessidades e faixas de preço dos consumidores.

Décadas atrás, quando a necessidade por carros espaçosos era maior, havia apenas duas opções no mercado nacional: a VW Kombi e a Chevrolet Veraneio. Além disso, existiam os grandes sedãs como o Ford Galaxie e o Dodge Dart, que podiam acomodar até seis pessoas em bancos dianteiros inteiriços. No entanto, somente a Kombi e a Veraneio tinham capacidade para transportar sete pessoas, chegando até mesmo a nove.

Chevrolet Spin.
Chevrolet Spin. Foto: Divulgação

Com o passar do tempo, o segmento de carros de 7 lugares proliferou no Brasil, mesmo com a diminuição do tamanho das famílias. Hoje, existem sete opções de carros seminovos disponíveis no mercado brasileiro, com diferentes motorizações e faixas de preço.

Desde o Chevrolet Spin, que custa cerca de R$ 100 mil, até o Toyota SW4, que pode chegar a quatro vezes esse valor, há opções para todos os bolsos. Além desses dois modelos, também estão disponíveis o Chevrolet Trailblazer, o Mitsubishi Outlander, o Mitsubishi Pajero Sport, o CAOA Chery Tiggo 8 e o Jeep Commander.

No entanto, com exceção do Spin, os demais modelos são considerados premium, o que limita ainda mais as vendas desses veículos em grandes volumes. De acordo com Sant Clair de Castro Jr, CEO da Mobiauto e consultor automotivo, existem dois tipos de clientes que optam por carros de 7 lugares: aqueles que realmente precisam de mais assentos, geralmente famílias com 4 ou 5 filhos, e aqueles que fazem viagens longas com a família e necessitam de um porta-malas espaçoso, recolhendo os dois assentos extras para utilizar todo o compartimento para bagagens.

“No entanto, esse não é um segmento muito grande de consumidores, tanto pela especificidade de uso quanto pelos preços elevados. Nossa pesquisa revelou um preço médio de R$ 181 mil para esses seminovos, o que está acima da média de preços de carros zero km no Brasil. Por isso, há poucas opções disponíveis para venda”, esclarece Castro Jr.

Uma consequência esperada para um segmento tão específico seria a desvalorização acentuada dos veículos. No entanto, essa não foi a realidade observada. A pesquisa considerou as cotações desses veículos em novembro de 2022 e novembro de 2023 e constatou que, em média, eles tiveram uma desvalorização de apenas 7,68%, o que os coloca na média de outros segmentos do mercado.

Interior da SW4.
Interior da SW4.

“Podemos dizer que esse é um segmento que funciona muito bem no mercado de seminovos. Apesar da oferta limitada e do baixo volume de classificados à venda, a demanda é equilibrada com a oferta. Ou seja, os preços se mantêm estáveis devido ao equilíbrio entre oferta e procura”, explica Castro Jr.

Além disso, na pesquisa que avaliou os modelos menos desvalorizados, o Chevrolet Spin se destacou, ocupando oito das dez posições no ranking. Sem a concorrência direta de modelos orientais que desapareceram do mercado nos últimos anos, como o Nissan Grand Livina e o JAC J6, que só possuem exemplares com cerca de dez anos de uso, os seminovos do Spin dominam o mercado brasileiro.

No entanto, o Toyota SW4 lidera a preferência do consumidor nesse segmento. Apesar do CAOA Chery Tiggo 8 estar na faixa de preço dos R$ 170 mil e os demais modelos custarem a partir de R$ 200 mil, o modelo da Toyota se destaca como a opção mais valorizada na pesquisa. Mesmo com quatro anos de uso e um valor acima de R$ 200 mil, o SW4 conquistou essa posição de destaque.

Surpreendentemente, o Jeep Commander, que é o modelo premium de 7 lugares mais vendido no mercado de carros novos, apareceu com três versões entre os modelos mais desvalorizados. Em média, o Commander teve uma desvalorização de 16,4% em um ano.

“A grande oferta de modelos da Jeep no mercado zero km, com descontos generosos e incentivos para compra como Pessoa Jurídica, tem levado toda a família Renegade, Compass e Commander a sofrerem uma desvalorização maior no mercado de seminovos. Isso pode ser frustrante para quem está vendendo, mas pode representar uma ótima oportunidade para quem está comprando”, analisa o CEO da Mobiauto.

Confira abaixo o ranking dos dez modelos e versões menos desvalorizados:

Carros 7 lugares que menos desvalorizaram no mercado.
Carros 7 lugares que menos desvalorizaram no mercado.

De acordo com Sant Clair, outra conclusão importante a se observar nesse segmento é que o Toyota SW4 lidera com folga a preferência do consumidor, mesmo com seu preço mais elevado em comparação aos concorrentes. O modelo da Toyota conseguiu ter uma versão campeã absoluta na pesquisa, mesmo com quatro anos de uso e um valor acima de R$ 200 mil.

Portanto, mesmo com a redução no número de filhos por família, as opções de carros de 7 lugares continuam sendo atrativas para alguns consumidores brasileiros, principalmente aqueles que necessitam de mais assentos ou de um porta-malas amplo para viagens em família. Apesar de ser um segmento específico e com preços mais elevados, esses veículos mantêm sua estabilidade no mercado de seminovos, oferecendo oportunidades tanto para vendedores quanto para compradores.

Fonte: Mobiauto

Avalie esse artigo

Thiago Klaumann
Administrador de empresas, profissional de marketing e empreendedor na internet. Fã de Fórmula 1, Stock Car, Moto GP e demais categorias de corridas, é apaixonado por automobilismo desde criança. Piloto de kart nas horas vagas, está sempre antenado em todos os lançamentos do mercado. Atualmente dedica-se à redação do portal Agora Motor, publicando artigos, notícias, pesquisas, testes e conteúdo multimídia sobre o universo automobilístico.
Posts relacionados
Notícias Audi está oferecendo instalação de Wallbox por preço tabelado!

A Audi, em parceria com a GreenV, oferece a instalação de carregadores e wallboxes para…

Gabriel May Oechsler
Notícias Álcool e volante está mais que provado que não combina!

Recentemente alguns sinistros de trânsito chamaram a atenção pela violência e, principalmente, por terem elementos…

Ivan Gustavo Willemann
Notícias Nova versão PHEV do GWM Haval H6 é pior que o PHEV19.

O GWM Haval H6, um dos SUVs mais populares da marca chinesa, está prestes a…

Ivan Gustavo Willemann
Notícias BYD Sea Lion 05 Pro é outro SUV híbrido que surge na China

A BYD não para de gerar novos produtos no mercado chinês, alimentando o gigante devorador…

Ivan Gustavo Willemann
Notícias Novo Porsche Macan elétrico chega o Brasil por R$ 560 mil

A Porsche iniciou a pré-venda no Brasil de duas novas versões do Macan elétrico: uma…

Gabriel May Oechsler
Deixe seu comentário