Carros japoneses desvalorizam menos? Veja o que diz a Mobiauto!

No primeiro semestre de 2023, o setor automotivo registrou um crescimento significativo, impulsionado pelo sucesso da Autotech japonesa. De acordo com dados divulgados pela Mobiauto, um dos maiores marketplaces de carros usados do país, a Autotech teve um aumento impressionante de 89% no faturamento, consolidando sua posição como líder do mercado.

Para entender melhor o comportamento dos veículos seminovos de origem japonesa, a equipe de Estatística da Mobiauto realizou uma pesquisa detalhada. O estudo analisou os principais carros das marcas Honda, Mitsubishi, Nissan e Toyota, com anos/modelos de 2023, 2022 e 2021, sob uma perspectiva comercial.

Carros japoneses que menos desvalorizaram no mercado.
Carros japoneses que menos desvalorizaram no mercado.

Os pesquisadores examinaram uma ampla variedade de dados, comparando as cotações de 90 modelos e versões em novembro de 2022 e repetindo a análise em novembro de 2023. Vale ressaltar que os veículos da Suzuki e Subaru não foram incluídos no levantamento devido à falta de uma base estatística sólida.

Essa não é a primeira vez que a Mobiauto realiza esse tipo de pesquisa. Em novembro de 2022, a lista dos seminovos japoneses mais valorizados no mercado nacional mostrava um empate técnico entre as quatro marcas – Toyota com 2,57%, Nissan com 1,80%, Honda com 1,77% e Mitsubishi com 0,82%. É importante lembrar que esse período coincidiu com o final da pandemia de Covid-19 e, na época, os seminovos até mesmo se valorizaram ao longo do ano.

No entanto, com as condições normais de mercado em vigor neste ano, todas as marcas registraram desvalorizações, embora alguns modelos tenham apresentado pequenos aumentos de valor. Em média, a depreciação ficou em torno de 7,5%. Segundo o economista Sant Clair Castro Jr., consultor automotivo e CEO da Mobiauto, Honda, Toyota e Nissan saíram melhor nesse cenário, enquanto a Mitsubishi teve uma desvalorização mais acentuada.

Modelos que menos desvalorizaram.
Modelos que menos desvalorizaram.

Isso se deve ao fato de que os modelos anunciados pela Mitsubishi têm um preço médio acima de R$ 206 mil, enquanto Honda e Nissan possuem médias de R$ 121 mil e a Toyota, R$ 150 mil. Modelos mais caros tendem a sofrer uma desvalorização um pouco maior, o que foi observado no caso da Mitsubishi.

Nesse sentido, destaca-se a Toyota, que conseguiu manter suas cotações estáveis mesmo com modelos mais caros, como a Hilux Cabine Dupla e Hilux SW4. Tanto a Toyota quanto Honda e Nissan possuem uma ampla variedade de veículos em diferentes faixas de preços e segmentos de mercado. Elas buscam atender a diversas demandas e preencher vários estratos do mercado automotivo.

Ao analisar os dez modelos com as menores desvalorizações, conhecido como Top Ten, podemos observar um equilíbrio entre as marcas. Quatro modelos da Nissan e da Honda estão presentes na lista, além de dois da Toyota. A Nissan ainda teve o mérito de registrar pequenos aumentos de valor com o Versa e Kicks 2021.

Os percentuais apresentados pela pesquisa da Mobiauto podem ajudar os consumidores a tomar decisões mais informadas antes de comprar um seminovo ou mesmo um carro zero km. As diferenças de desvalorização, com exceção de algumas poucas situações, indicam que os compradores podem escolher o modelo que mais lhes agrada sem se preocupar com grandes riscos de desvalorização no futuro.

No entanto, é importante ficar atento aos modelos dessa lista de carros japoneses que apresentaram uma desvalorização acima de 15%. Alguns chegaram a superar 25%, o que pode ser motivo de preocupação para os compradores, conforme alerta Sant Clair Castro Jr.

Portanto, com a Autotech japonesa liderando o crescimento do setor automotivo no primeiro semestre de 2023 e a Mobiauto divulgando informações valiosas sobre o comportamento dos veículos seminovos de origem japonesa, os consumidores têm acesso a dados importantes para tomar decisões mais assertivas na compra de um carro. A pesquisa evidencia as tendências do mercado e permite que os compradores façam escolhas conscientes, considerando fatores como desvalorização e faixas de preços.

Fonte: Mobiauto

Avalie esse artigo

Gabriel May Oechsler
Redator online do portal Agora Motor, tem 21 anos e está sempre antenado no universo automobilístico, gosta de esportes, jogos e notícias automotivas. Iniciou sua jornada no site Agora Motor em 2022, trabalhando com pesquisas extensas e escritas de artigos e notícias sobre carros, motos, etc.
Posts relacionados
Notícias Vendas sobem, porém importações bem mais

O Brasil está perdendo a batalha da balança comercial entre exportações e importações de veículos….

Fernando Calmon
Notícias Chevrolet traz ofertas e descontos para o Onix, Tracker e Equinox

A Chevrolet está oferecendo diversas condições especiais de compra e financiamento para aqueles que desejam…

Gabriel May Oechsler
Notícias Hyundai Palisade e outros tem consumo revelado, veja!

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) divulgou recentemente informações sobre alguns futuros…

Ivan Gustavo Willemann
Notícias Fiat Strada Ascende Rapidamente Entre as Top 5 Picapes Novas Mais Vendidas no Brasil

Na primeira quinzena de julho, as vendas de picapes no Brasil continuaram em alta, segundo…

Ivan Gustavo Willemann
Notícias 10 truques para potencializar o desempenho do seu veículo elétrico!

Dirigir um veículo elétrico (VE) oferece inúmeras vantagens, desde economia de dinheiro até redução da…

Ivan Gustavo Willemann
Deixe seu comentário