39% dos donos de carros elétricos querem ter um a combustão!

Em uma revelação surpreendente, aproximadamente 39% dos proprietários de veículos elétricos (EVs) nos Estados Unidos manifestaram a possibilidade de retornar aos veículos com motores de combustão interna em suas próximas compras, segundo uma análise da McKinsey. Este dado emerge em um momento onde a eletrificação veicular é amplamente vista como o futuro da mobilidade sustentável.

O estudo, que envolveu a participação de 30.000 consumidores em quinze países diferentes, e divulgado pela Automotive News e AutoData, aponta para desafios significativos na adoção dos EVs. Entre as principais preocupações dos usuários estão a infraestrutura insuficiente para carregamento, os altos custos iniciais de aquisição e a ansiedade gerada pela limitação da autonomia dos veículos durante viagens longas.

Carros elétricos

Esta tendência não se limita apenas ao território americano; globalmente, um contingente similar de proprietários de EVs demonstrou interesse em migrar de volta para os veículos tradicionais. Philip Kampshoff, do Centro para o Futuro da Mobilidade da McKinsey, expressou sua surpresa frente aos resultados, indicando uma quebra nas expectativas sobre a lealdade dos consumidores aos veículos elétricos.

Um dos gargalos identificados na pesquisa é a lenta expansão da rede de abastecimento para elétricos, tanto em termos de quantidade quanto na visibilidade dos pontos de recarga disponíveis. Além disso, destaca-se o crescente desejo por maior autonomia veicular, com os consumidores esperando no mínimo 468 quilômetros por carga – um aumento em relação aos 434 quilômetros esperados anteriormente.

No entanto, é importante ressaltar que o interesse geral em veículos eletrificados não diminuiu. De fato, observa-se um leve crescimento na intenção de compra de modelos híbridos plug-in ou totalmente elétricos entre proprietários de veículos não eletrificados, saltando para 38%.

A McKinsey enfatiza que os fabricantes e fornecedores devem continuar a investir em diversas tecnologias para satisfazer as variadas demandas do mercado consumidor. Essa estratégia inclui não apenas melhorar a infraestrutura de carregamento e reduzir custos, mas também aumentar a eficiência e a autonomia dos veículos elétricos.

À medida que avançamos para um futuro mais verde e sustentável, torna-se evidente que ainda existem obstáculos significativos a serem superados. A indústria automobilística e as políticas públicas terão papel crucial na aceleração dessa transição, garantindo que a mobilidade limpa seja acessível e prática para todos.

Avalie esse artigo

Gabriel May Oechsler
Redator online do portal Agora Motor, tem 21 anos e está sempre antenado no universo automobilístico, gosta de esportes, jogos e notícias automotivas. Iniciou sua jornada no site Agora Motor em 2022, trabalhando com pesquisas extensas e escritas de artigos e notícias sobre carros, motos, etc.
Posts relacionados
Notícias Vendas sobem, porém importações bem mais

O Brasil está perdendo a batalha da balança comercial entre exportações e importações de veículos….

Fernando Calmon
Notícias Chevrolet traz ofertas e descontos para o Onix, Tracker e Equinox

A Chevrolet está oferecendo diversas condições especiais de compra e financiamento para aqueles que desejam…

Gabriel May Oechsler
Notícias Hyundai Palisade e outros tem consumo revelado, veja!

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) divulgou recentemente informações sobre alguns futuros…

Ivan Gustavo Willemann
Notícias Fiat Strada Ascende Rapidamente Entre as Top 5 Picapes Novas Mais Vendidas no Brasil

Na primeira quinzena de julho, as vendas de picapes no Brasil continuaram em alta, segundo…

Ivan Gustavo Willemann
Notícias 10 truques para potencializar o desempenho do seu veículo elétrico!

Dirigir um veículo elétrico (VE) oferece inúmeras vantagens, desde economia de dinheiro até redução da…

Ivan Gustavo Willemann
Deixe seu comentário