Ferrari investe em proteção intelectual e destrói 400 mil itens falsificados

Em uma ação implacável contra a pirataria, a Ferrari destaca-se mais uma vez no cenário internacional pelo seu comprometimento inabalável com a proteção da propriedade intelectual.

No ano de 2023, a prestigiada fabricante de automóveis reportou a apreensão e posterior eliminação de impressionantes 400.000 produtos falsificados que ostentavam indevidamente sua marca. Esta medida drástica incluiu a destruição de três automóveis falsificados, um feito que sublinha a gravidade com que a Ferrari encara a falsificação.

Ferrari 12Cilindri

A divulgação desta operação foi feita por meio de um infográfico detalhado nas redes sociais da empresa, revelando o vasto espectro de itens falsificados. Entre os produtos confiscados e eliminados constavam 100.351 peças de vestuário, 30.161 fragrâncias, 17.231 bolsas, 17.438 calçados, 60.903 relógios, 13.415 cinturões, 11.500 etiquetas, além de 800 scooters, 872 miniaturas de veículos, 91.229 óculos, 1.092 bolas esportivas e 57.503 carteiras. Curiosamente, até uma geladeira com a marca Ferrari foi interceptada e descartada.

Para alcançar tal eficácia na identificação desses produtos ilegais, a Ferrari implementou um programa anti-pirataria robusto que incentiva indivíduos a reportarem qualquer atividade suspeita relacionada à venda de mercadorias falsificadas. Essa estratégia envolve o envio de relatórios detalhados sobre os pontos de venda suspeitos, incluindo estimativas do volume de produtos falsificados e evidências fotográficas que mostrem o uso indevido da marca.

Ferrari

Como reconhecimento pela colaboração, os denunciantes são agraciados com uma mensagem de agradecimento e um brinde exclusivo da marca, reforçando o valor da participação pública na salvaguarda da integridade da Ferrari.

Além do combate às falsificações, a Ferrari mantém uma postura rígida contra modificações não autorizadas em seus veículos. Essa política já levou a empresa a tomar medidas legais contra proprietários que alteraram seus carros sem aprovação prévia, chegando até mesmo à exclusão de clientes notáveis do seu círculo exclusivo – entre eles, destaca-se o caso do cantor Justin Bieber.

Este contínuo esforço para preservar sua imagem e garantir que apenas produtos genuínos circulem no mercado ressalta o compromisso da Ferrari não apenas com sua marca mas também com seus clientes leais ao redor do mundo.

Avalie esse artigo

Gabriel May Oechsler
Redator online do portal Agora Motor, tem 21 anos e está sempre antenado no universo automobilístico, gosta de esportes, jogos e notícias automotivas. Iniciou sua jornada no site Agora Motor em 2022, trabalhando com pesquisas extensas e escritas de artigos e notícias sobre carros, motos, etc.
Posts relacionados
Notícias Vendas sobem, porém importações bem mais

O Brasil está perdendo a batalha da balança comercial entre exportações e importações de veículos….

Fernando Calmon
Notícias Chevrolet traz ofertas e descontos para o Onix, Tracker e Equinox

A Chevrolet está oferecendo diversas condições especiais de compra e financiamento para aqueles que desejam…

Gabriel May Oechsler
Notícias Hyundai Palisade e outros tem consumo revelado, veja!

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) divulgou recentemente informações sobre alguns futuros…

Ivan Gustavo Willemann
Notícias Fiat Strada Ascende Rapidamente Entre as Top 5 Picapes Novas Mais Vendidas no Brasil

Na primeira quinzena de julho, as vendas de picapes no Brasil continuaram em alta, segundo…

Ivan Gustavo Willemann
Notícias 10 truques para potencializar o desempenho do seu veículo elétrico!

Dirigir um veículo elétrico (VE) oferece inúmeras vantagens, desde economia de dinheiro até redução da…

Ivan Gustavo Willemann
Deixe seu comentário