Ford cai do rank de carros mais vendidos para marca chinesa!

A BYD, empresa chinesa especializada em veículos elétricos, está ganhando destaque no mercado automobilístico mundial. De acordo com uma consultoria, a empresa conquistou a quarta posição entre as maiores fabricantes de automóveis do mundo, ficando atrás apenas da Toyota, Volkswagen e Honda.

No último mês de agosto, a BYD registrou um aumento de 5% nas vendas em relação a julho, impulsionado principalmente pelo mercado chinês, que teve 1,9 milhão de carros vendidos no mesmo período. A BYD lidera o mercado chinês, com uma fatia de 12%, e também tem expandido suas exportações para o mercado europeu.

Marca chinesa BYD, é a 4° mais vendida no mundo.
Marca chinesa BYD, é a 4° mais vendida no mundo. Foto: Divulgação

Essa expansão tem gerado preocupação tanto para os fabricantes locais como para as autoridades europeias. O Parlamento Europeu lançou uma ofensiva para investigar os subsídios concedidos pelo governo chinês, que têm mantido os preços dos carros elétricos artificialmente baixos. A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, ressaltou que o continente está aberto à competição, mas não deseja uma corrida rumo ao fundo do poço.

No Brasil, o aumento das vendas da BYD também tem sido um tema relevante nas reuniões das fabricantes instaladas há mais tempo. Empresas têm defendido o aumento dos impostos sobre carros elétricos, afetando diretamente as importações de veículos chineses.

A BYD é líder no mercado brasileiro de elétricos com o modelo Dolphin, um hatch compacto com preço inicial em torno de R$ 150 mil. A empresa bateu um recorde de vendas no último sábado, com 603 unidades comercializadas, enquanto todas as outras fabricantes juntas registraram apenas 511 emplacamentos durante todo o mês de agosto.

A confiança dos brasileiros nos carros da BYD tem impulsionado a marca rumo a um futuro mais verde e sustentável. A empresa está em processo avançado para assumir a fábrica que era da Ford em Camaçari (BA), e o porta-voz da empresa anunciou que a cerimônia de início das atividades está programada para o próximo dia 9 de outubro.

A BYD planeja investir R$ 3 bilhões na construção do complexo, que contará também com um centro de pesquisa e desenvolvimento. Segundo Alexandre Baldy, conselheiro especial da BYD, o centro promete desenvolver produtos para o mercado nacional, incluindo o primeiro híbrido plug-in a etanol do país.

Com sua ascensão no mercado automobilístico global e investimentos no Brasil, a BYD está se consolidando como uma das principais marcas de veículos elétricos do mundo, contribuindo para uma mobilidade mais sustentável e eficiente.

Avalie esse artigo

Thiago Klaumann
Administrador de empresas, profissional de marketing e empreendedor na internet. Fã de Fórmula 1, Stock Car, Moto GP e demais categorias de corridas, é apaixonado por automobilismo desde criança. Piloto de kart nas horas vagas, está sempre antenado em todos os lançamentos do mercado. Atualmente dedica-se à redação do portal Agora Motor, publicando artigos, notícias, pesquisas, testes e conteúdo multimídia sobre o universo automobilístico.
Posts relacionados
Notícias 39% dos donos de carros elétricos querem ter um a combustão!

Em uma revelação surpreendente, aproximadamente 39% dos proprietários de veículos elétricos (EVs) nos Estados Unidos…

Gabriel May Oechsler
Notícias Nova moto de 8 cilindros da GWM terá 154 cv, veja informações!

A indústria de veículos elétricos e híbridos tem ganhado um novo protagonista no cenário brasileiro,…

Gabriel May Oechsler
Notícias Porsche vs Tesla: Marca está pagando para trocar de lado!

Em um mercado de veículos elétricos cada vez mais concorrido, a Porsche adota uma estratégia…

Gabriel May Oechsler
Notícias Novo Fiat Uno 2025? Veja fotos do Fiat Grande Panda!

A Fiat causou sensação ao revelar as primeiras imagens do Grande Panda, seu mais novo…

Gabriel May Oechsler
Notícias Novo VW Tiguan Allspace será revelado final do ano!

Em um lançamento que promete redefinir as expectativas para os amantes de SUVs ao redor…

Gabriel May Oechsler
Deixe seu comentário