O que se sabe sobre o novo DPVAT, ou melhor, SPVAT!

Na semana passada, foi promulgada a Lei Complementar 207/24, que versa sobre o Seguro Obrigatório para Proteção de Vítimas de Acidentes de Trânsito (SPVAT), substituindo o antigo DPVAT.

Contudo, apesar da promulgação, persistem muitas incertezas sobre o funcionamento do SPVAT. Diante desse cenário, o Portal do Trânsito elabora esta matéria para destacar o que já está esclarecido e o que ainda carece de definição em relação ao novo sistema de seguro.

O que já se sabe:

O que se sabe sobre o novo DPVAT.
O que se sabe sobre o novo DPVAT.

Mudança de Nome: O DPVAT foi renomeado como Seguro Obrigatório para Proteção de Vítimas de Acidentes de Trânsito (SPVAT).

Cobertura: As coberturas oferecidas pelo SPVAT permanecem as mesmas previstas pelo DPVAT. Isso inclui indenizações por morte, invalidez permanente total ou parcial, além de reembolso de despesas médicas, hospitalares, e outras assistências necessárias.

Obrigatoriedade: O SPVAT é compulsório para todos os proprietários de veículos automotores terrestres, sendo comprovado mediante o pagamento do prêmio, sem necessidade de emissão de bilhete ou apólice de seguro. O não pagamento pode impedir o licenciamento do veículo e sua circulação.

Gerenciamento: O SPVAT será administrado por um fundo mutualista, com a Caixa Econômica Federal atuando como agente operador.

Pagamento das Indenizações: As indenizações serão calculadas com base no valor vigente na data do acidente e pagas em até 30 dias após o recebimento de todos os documentos necessários. O pagamento será realizado exclusivamente por meio de crédito em conta do titular da vítima ou beneficiário.

O que ainda falta saber:

Valor do Prêmio Anual: O montante exato do prêmio a ser cobrado dos proprietários de veículos ainda não foi determinado. Durante a tramitação do projeto de lei, houve menção a um valor estimado entre R$ 50 e R$ 60, porém, a definição final caberá ao Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP).

Cobrança do Prêmio em 2024: Não está claro se a cobrança do prêmio terá início ainda em 2024, mesmo para veículos com licenciamento emitido em anos anteriores.

Solicitação das Indenizações: O processo de solicitação das indenizações ainda carece de esclarecimentos detalhados. Embora se saiba que a Caixa Econômica Federal será responsável por receber as solicitações, não há certeza se o procedimento seguirá o mesmo padrão adotado anteriormente.

Valor das Indenizações: Os valores a serem pagos como indenização ainda não foram definidos. Essa determinação também ficará a cargo do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP).

Anteriormente, os valores das indenizações pelo DPVAT eram estabelecidos em:

  • Morte: R$ 13.500,00
  • Invalidez Permanente: até R$ 13.500,00
  • Reembolso de Despesas Médicas e Hospitalares: até R$ 2.700,00
Avalie esse artigo

Gabriel May Oechsler
Redator online do portal Agora Motor, tem 21 anos e está sempre antenado no universo automobilístico, gosta de esportes, jogos e notícias automotivas. Iniciou sua jornada no site Agora Motor em 2022, trabalhando com pesquisas extensas e escritas de artigos e notícias sobre carros, motos, etc.
Posts relacionados
Notícias 39% dos donos de carros elétricos querem ter um a combustão!

Em uma revelação surpreendente, aproximadamente 39% dos proprietários de veículos elétricos (EVs) nos Estados Unidos…

Gabriel May Oechsler
Notícias Nova moto de 8 cilindros da GWM terá 154 cv, veja informações!

A indústria de veículos elétricos e híbridos tem ganhado um novo protagonista no cenário brasileiro,…

Gabriel May Oechsler
Notícias Porsche vs Tesla: Marca está pagando para trocar de lado!

Em um mercado de veículos elétricos cada vez mais concorrido, a Porsche adota uma estratégia…

Gabriel May Oechsler
Notícias Novo Fiat Uno 2025? Veja fotos do Fiat Grande Panda!

A Fiat causou sensação ao revelar as primeiras imagens do Grande Panda, seu mais novo…

Gabriel May Oechsler
Notícias Novo VW Tiguan Allspace será revelado final do ano!

Em um lançamento que promete redefinir as expectativas para os amantes de SUVs ao redor…

Gabriel May Oechsler
Deixe seu comentário